Quem está ansioso por novidades da CVM para as regras dos FIDC’s pode ter que esperar um pouco mais

Se você investe em FIDC e está aguardando ansiosamente pelas novas regras que a CVM prometeu para essa modalidade de fundo, talvez tenha que ter um pouco mais de paciência. Isso porque a audiência pública para mudanças na regulação prometidas pela CVM para este ano poderá ficar só para 2019.

Nos bastidores da proposta, estão rolando diversas sugestões e discussões como a digitalização das informações sobre os fundos, o fortalecimento da figura do gestor e o alinhamento sobre qual será o papel dos players que são envolvidos na constituição dos fundos. Juntos, todos esses temas devem prolongar o processo.

O próprio gerente de acompanhamento de Fundos Estruturados da Comissão de Valores Mobiliários (CVM), Bruno Gomes, disse durante o 3º Encontro Nacional da Associação Nacional dos Participantes em Fundos de Investimento em Direitos Creditórios Multicedentes e Multissacados (Anfidc) que as revisões são necessárias para atingir os objetivos das mudanças.

“O propósito é dar bases para desenvolver o mercado, acima da promoção de alterações voltadas ao fortalecimento da norma em si”, disse Gomes.

Ele também citou que o consultor deve ter seu papel definido e pode ganhar responsabilidades, o que não existe hoje.

Fonte: Seu Dinheiro

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *