Certificado de operações estruturadas

Diferença  e acesso  de novos mercados  em um único investimento

COE é o Certificado de Operações Estruturadas e é um investimento ainda novo. Relacionado a produtos de Renda Fixa e Renda Variável.

Como funciona o COE? 

Vantagens 

O COE é uma aplicação inspirada na chamada “nota estruturada”, muito comum nos Estados Unidos e em países da Europa. É estruturado com base em cenários de ganhos e perdas, selecionados de acordo com o perfil de cada investidor. 

Cada COE tem seu rendimento relacionado ao desempenho futuro de um ativo financeiro ou índice, como dólar, inflação, ações. Montado através da combinação de um título de crédito emitido por uma instituição financeira.

O COE permite que o investidor tenha acesso a um produto sofisticado, mas sem precisar estruturar a operação sozinho. De acordo com emissores, os custos de um COE são menores do que se o investidor tentasse fazer “um COE por conta própria” (investir em renda fixa e no mercado de derivativos).

  •    Internacionalização
Tributação única, cuja alíquota do Imposto de Renda diminui conforme aumenta o prazo do investimento.
  •    Flexibilidade

Possibilidade de customização por parte do investidor, respeitando os requisitos mínimos exigidos pelo emissor.

  •  Valores Competitivos

Tributação única e custos mais baixos se comparados a investir nos ativos/derivativos separadamente.

  •  Fácil acompanhamento

O desempenho aparece como um único ativo na conta do investidor.

Características 

  • Vencimento do investimento em data pré-determinada;
  • Valor mínimo de aporte;
  • Indexador local ou Internacional
  •  Cenário de ganhos e perdas no vencimento, conhecidos desde o início da operação;
  • Tributação de acordo com tabela regressiva de Renda Fixa;
  •  Perfil do investidor deve ser compatível com o produto;
  • Fluxos de Pagamentos no Vencimento ou Periódicos.

Riscos 

Risco de crédito de emissor e dificuldade de projeção dos retornos. Assim como na renda variável, se trata de uma aposta em uma tendência do mercado, que pode não se concretizar e, dessa forma, pode não trazer o rendimento esperado. 

Documentação 

Termo de ciência de risco: assinado uma única vez pelo investidor, dando ciência dos riscos do COE;

DIE (Documento de Informações Essenciais): documento com explicações sobre o funcionamento, fluxo de pagamentos e riscos do COE, que é entregue antes da realização de cada investimento ao investidor. Este, por sua vez, deve assinar o DIE para confirmar seu recebimento.

Importante 

Apenas investidores com o perfil de investidor adequado a este produto poderão realizar aplicação. Para definição do perfil de investidor do cliente, é necessário o preenchimento do Formulário Perfil do Investidor.

 Atenção: Este produto é destinado a clientes com perfil de investimento moderado (valor nominal protegido) e agressivo (valor nominal em risco), sendo este o público a que se destina o presente material. Leia o documento de informações essenciais antes de aplicar em qualquer certificado de operações estruturadas.

Produtos com foco em objetivos de retorno. Recorrente a risco 

Rolar para o topo
Fale aqui
Olá tudo bem !
Como posso te ajudar?
Powered by